Freio curto

Queria muito amamentar, leu tudo sobre o assunto, mas ainda assim nada surtiu efeito? O seu bebé engole muito ar, mama um pouco e larga, chora na mama ou faz um barulhinho a mamar?

PODE TER NASCIDO COM UM FREIO CURTO. Não, nestes casos não existe um problema com o seu leite ou com a sua forma de o amamentar. Estes bebés têm a língua “presa”, não a conseguem elevar para fazer uma boa sucção.

A TER EM CONTA:

❕ A maioria dos pediatras que não fizeram formação em amamentação não está treinado para avaliar um freio curto e acaba por não valorizar (atenção, tenho o maior respeito por estes profissionais!!)

❕ Poucos são os médicos capacitados para realizar uma frenectomia (corte do freio)

❕ Quanto mais cedo for realizada a frenectomia melhor tolerada será pelo seu bebé e maior a capacidade de se adaptar à “nova língua” na amamentação

❕ Uma boa CAM (Conselheira de Amamentação) é uma ajuda fundamental na identificação de um freio curto

❕ A Osteopatia é uma preciosa ajuda em casos de freios um pouco mais curtos mas funcionais, sem indicação para intervenção.

Amamentar requer muita força de vontade, mas às vezes isso não basta. Peça ajuda.

Deixe um comentário